Atentado terrorista na Somália deixa 29 mortos e 80 feridos

Pelo menos 29 pessoas morreram e outras 80 ficaram feridas em um ataque terrorista com um caminhão-bomba cometido pelo grupo jihadista Al-Shabaab, na noite desta quinta-feira, 28, em Mogadíscio, capital da Somália. De acordo com as autoridades, o número de vítimas fatais ainda pode aumentar.

O comandante da polícia local, Abshir Isak, afirmou que o ataque tinha como alvo o hotel Maka Almukrama, localizado em uma rua movimentada da região central da cidade, onde continuaram nesta sexta-feira, 1, as operações de resgate das vítimas, informa o Terra.

Ainda nesta sexta, soldados das forças de segurança da Somália trocavam tiros e tentavam neutralizar membros do Al-Shabaab em Mogadíscio. Combatentes do grupo jihadista se refugiaram em uma casa adjacente ao hotel, onde foram cercados pela polícia local.

Pior ataque desde 2017

Os números iniciais de mortos – que ainda pode crescer – apontam que este pode ser o pior atentado cometido pelo Al-Shabaab na Somália desde 14 de outubro de 2017. Naquela ocasião, outro ataque com caminhão bomba provocou a morte de 512 pessoas.

O grupo terrorista, que se filiou a Al Qaeda em 2012, controla territórios no centro e no sul da Somália. O país vive em estado de guerra desde 1991, quando foi derrubado o ditador Mohamed Siad Barre.

01/03/2019