Justiça Itinerante bate recorde no número de etapas e beneficia 13.566 pessoas em 2019

A Justiça Itinerante bateu recorde no número de etapas em 2019. Foram contabilizadas 61 ações, entre mutirões e casamentos coletivos, beneficiando 13.566 pessoas em Alagoas.

As cerimônias coletivas oficializaram a união de 4.284 pessoas. Nos mutirões realizados, foram proferidas 1.786 sentenças e emitidos mais de 700 documentos. Também ocorreram 2.540 audiências.

De acordo com o juiz André Gêda, coordenador da Justiça Itinerante, os números são positivos e mostram que o Judiciário está mais próximo da sociedade. “Temos um número que nunca foi alcançado em termos de etapas. Também batemos recorde de audiências e sentenças. A gente credita isso ao apoio da Presidência, em relação à realização desses eventos”, afirmou o magistrado, que agradeceu ainda pelas parcerias do Ministério Público, Defensoria, órgãos governamentais e instituições de ensino. “Sem esses parceiros não teria Itinerante”.

Outro ponto destacado pelo coordenador diz respeito à interiorização das ações da Itinerante. Neste ano, ocorreram etapas em mais de dez municípios, entre eles Rio Largo, Arapiraca, Palmeira dos Índios, Japaratinga e Belém.

“A expectativa para 2020 é manter o nível elevado de atendimento à população, porque o Judiciário tem que estar cada vez mais próximo. Essa é a meta do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Tutmés Airan”, completou o juiz.

Ascom – 18/12/2019